Para a maioria das pessoas, os longos dias na praia já lá vão e é por esta altura que mais notamos os efeitos desses dias na nossa pele.  Normalmente, os banhos de mar e de sol pedem por uma rotina de pele mais relaxada, sendo o foco principal a proteção solar. Para além dos cuidados da pele negligenciados, é nos dias de calor que abusamos um bocadinho mais do álcool e temos uma dieta mais relaxada, fatores que também afectam a pele.

Depois da minha viagem à Indonésia e Malásia em Agosto, senti bem os efeitos dos dias de praia na minha pele, que foram confirmados quando visitei a Dermalogica em Kuala Lumpur, onde me fizeram uma análise à pele. A minha pele estava seca e desidratada, sensível e apresentava alguma pigmentação e sinais de envelhecimento.

Este diagnóstico não me surpreendeu pois já sentia algum desconforto e vi-me obrigada a mudar um pouco a minha rotina e a fazer alguns investimentos.

Hidratar, hidratar, hidratar!

Tendo a pele seca e desidratada há que investir em produtos com ingredientes oclusivos e humectantes, para captar a água e repor os lípidos da pele.

A seguir ao verão, o meu hidratante diário passou a ser o Dermalogica Intensive Moisture Balance, que comprei em Kuala Lumpur. Este hidratante tem BioReplenish Complex da marca, que ajuda a repor a barreira lipídica da pele. Contém ainda ácido hialurónico, Centella Asiatica e Aloe Vera que também ajudam na melhoria das linhas de desidrataçã. 

Retomei o sérum de ácido poliglutâmico da Inkey List, que ficou de lado nas férias (grande erro!). O ácido poliglutâmico é um ingrediente humectante que, segundo a marca, é capaz de captar 10x mais água que o ácido hialurónico.

Durante o dia, tenho também usado também a bruma Antioxidant Hydramist da Dermalogica para repor alguma hidratação e deixar a pele mais confortável. Admito que no passado não fui a pessoa mais assídua no que toca a brumas e a sua reaplicação. Agora reconheço o quanto elas podem ser úteis, principalmente para quem tem pele seca e passa o dia sob ar condicionado. 

Máscaras Faciais

Para os picos de desidratação e desconforto, as máscaras hidratantes podem ser muito úteis para um tratamento mais “flash”. Tenho usado principalmente a Bioderma Sensibio Mask, que é a minha máscara SOS de sempre para quando sinto a pele mais fragilidade. Duas vezes por semana também uso a Cicapair Night Re.Pair da Dr. Jart que é rica em Centella Asiatica, ajudando a recuperar a pele sensibilizada.

Antioxidante

Os antioxidantes, nomeadamente a Vitamina C, são essenciais tanto no verão como no pós-verão, pois não só ajudam na proteção contra o fotoenvelhecimento, como têm uma ação anti-pigmentária. O meu sérum é o mesmo de há já 2 meses, o Isdinceutics Flavo-C, com 8% de ácido ascórbico. Por ter uma concentração relativamente baixa é seguro para uma pele sensível/sensibilizada. 

Outros exemplos de antioxidantes que estão na minha wishlist são o Skinceuticals C E Ferrulic e o Caudalie Vinoperfect Sérum luminosidade anti-manchas.

Rotina Simples

Uma vez que estava e ainda estou com a pele um pouco sensível tenho tido uma rotina simples: limpeza (sem espuma), sérum, hidratante e protetor solar. Tenho me mantido longe de ingredientes sensibilizastes, como o retinol e só na última semana comecei a fazer espoliação química com o ácido mandélico da Dr.Wu (Intensive Renewal Serum With Mandelic Acid 18%), por ser um ácido suave para peles sensíveis.

Ir ao SPA

Como faço anos em Setembro, acabo por muitas vezes investir num bom tratamento de gabinete para me mimar um pouco mais e ajudar nesta fase pós-verão.

Desta vez o escolhido foi o Tria Spa do MGM Cotai, onde optei pelo tratamento HydraMemory da Comfort Zone para uma hidratação profunda. Só tenho a dizer coisas boas deste Spa. As terapeutas foram muito profissionais, prestáveis e toda a sessão foi de sonho, tanto a nível de tacto, audição e olfato. Saí de lá super relaxada e, claro, hidratada!